Por dentro do mercado

Fique sabendo o que rola no meio imobiliário em Minas e no Brasil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/08/2017 15:35 Estado de Minas
Grupo EPO/Divulgação
GRUPO EPO
Linea Empresarial


O Grupo EPO acaba de entregar mais um empreendimento imobiliário na capital mineira, o Linea Empresarial. O prédio já tem mais de 70% de suas unidades comerciais vendidas. Localizado na Rua dos Timbiras, 2.072, no Lourdes, o empreendimento tem 15.787 metros quadrados (m²) de área construída, divididos em 12 andares de salas comerciais, com cobertura, quatro pavimentos de estacionamento interno para os proprietários e vagas rotativas, salão de convenções e foyer. O projeto, assinado pela Farkasvölgyi, traz fachada revestida em vidro, que permite ao usuário uma vista privilegiada do entorno. Com estrutura interna equipada, o hall tem pé-direito duplo, com controle de acesso e segurança reforçada. As 144 salas comerciais terão áreas médias de 40m² cada, com flexibilidade para um ou meio andar corrido. As unidades estão sendo comercializadas a partir de R$ 9.800 o metro quadrado.

Interface Comunicação Empresarial/Divulgação
CMI/SECOVI-MG
Certificação digital para empresas do setor


Atenta às necessidades de modernização, redução de custos, segurança e agilidade nos negócios, a Câmara do Mercado Imobiliário e Sindicato das Empresas do Mercado Imobiliário de Minas Gerais (CMI/Secovi-MG) acaba de inaugurar na nova sede (Rua Sergipe, 1.000, Savassi), um local dedicado exclusivamente ao processo de certificação digital. A novidade faz parte da premissa da entidade de ampliar o leque de serviços prestados aos associados. A estrutura montada pela entidade, que está localizada ao lado da sala do associado, permite também que pessoas físicas e jurídicas, de outros segmentos, tenham acesso ao sistema. O certificado digital é uma ferramenta imprescindível, pois possibilita comprovar, de forma segura, a autenticidade dos emissores e destinatários da documentação eletrônica, que podem ser os clientes da empresa ou órgãos públicos, como Receita Federal, Caixa Econômica Federal e prefeituras.

MERCADO IMOBILIÁRIO
Retomada dos negócios

O mercado da construção civil começa a recuperar o fôlego, perdido principalmente nos últimos três anos e meio. Mesmo ainda tímido, o movimento de retomada dos investimentos no setor começa a dar sinais de crescimento, sustentado principalmente pela gradual redução das taxas de juros da Selic (atualmente em 10,25%) e, por tabela, dos bancos comerciais que atuam com crédito imobiliário, além da expectativa de reaquecimento da economia. Levantamento do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG) mostra que o índice de atividade do setor no estado acumulou alta de 6,1 pontos de janeiro a maio de 2017, número 2,3 pontos superior ao apurado em maio do ano passado. Mesmo ainda aquém do ideal, os números revelam um cenário de recuperação do segmento, que teve o melhor desempenho para os meses de maio nos últimos três anos. Ainda segundo a entidade, para imóveis de Belo Horizonte e Nova Lima, na Grande BH, região rica em oferta de condomínios residenciais, a oferta final (estoque) atingiu em abril o menor patamar da série histórica (3.934 unidades).

CONSTRUTORA EMCCAMP
1º lugar na categoria Destaque em residencial

A Emccamp Residencial ficou na 12ª colocação no ranking ITC - As 100 maiores da construção. Somente em 2016, um milhão de metros quadrados foram construídos pela empresa. O prêmio é concedido às construtoras com melhor desempenho durante o ano, levando-se em conta a maior quantidade de metros quadrados construídos. São avaliados também aspectos de gestão sustentável e responsabilidade ambiental nos processos de edificação. A empresa também ficou em 1º lugar na categoria Destaque em Residencial - Região Sudeste. Com 40 anos de atuação, a Emccamp está presente em 16 cidades de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. São mais de 60 mil unidades entregues e em construção. Com forte atuação no programa Minha casa, minha vida (MCMV), a empresa já entregou 46 mil unidades na faixa 1 do programa. Até o fim de 2017, a previsão é de lançamento de cerca de 10 mil unidades, todas inseridas nas faixas 1,5 e 2 do MCMV. Na capital mineira, a empresa acaba de lançar o Parque Cerrado, com 2.280 unidades. Localizado em um bairro que está sendo planejado, com área verde e pontos comerciais, o empreendimento contempla condomínios nas faixas 1,5 e 2 do MCMV.

Rede Comunicação de Resultado/Divulgação
AP PONTO
Ponto Pérola

A construtora AP Ponto entregou mais um empreendimento. O Ponto Pérola faz parte do programa Minha casa, minha vida e está no Bairro Bom Retiro. O empreendimento tem 14 blocos com 220 apartamentos de um e dois quartos, com opções para pessoas com deficiência. Os moradores têm área de lazer completa com salão de festas, playground, quadra, espaço fitness, gazebo, bicicletário, redário, praça de convivência e espaço gourmet com churrasqueira. O Ponto Pérola tem uma horta colaborativa para os moradores. Segundo Gabriel Collares, coordenador de relacionamento e marketing da AP Ponto, a ideia não estava prevista no projeto inicial, mas no decorrer da obra sentiram a necessidade de ter algo a mais para a integração das pessoas.

Últimas notícias

ver todas
15 de outubro de 2017
14 de outubro de 2017
12 de outubro de 2017